Sobre
Sobre
Como funciona
Como funciona o Quero Bolsa?
Ligue grátis
0800
0800 941 3000
Seg - Sex 8h-22h
Sábado 9h-13h
Aceitamos ligação de celular
034a0947f17da3b1ffa2cac77807e713a0c7595a Cad4289abdb7425ccae2f9b377a959eb7b84ac71
Vestibular e Enem

Passar no Sisu agora pode ser mais fácil que no início do ano

por Marcela Coelho em 04/06/19 440 visualizações

Para muitos estudantes, o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) de meio de ano é mais uma oportunidade para garantir uma vaga no ensino superior público. E, para quem concorre em ampla concorrência, a boa notícia é que as notas de corte diminuem.

Em levantamento feito pela Revista QB, 65% dos cursos analisados tiveram notas de corte médias mais baixas nesta modalidade no Sisu do segundo semestre de 2018 em comparação com o Sisu do primeiro semestre daquele ano.

O estudo considerou os 20 cursos com mais ingressantes conforme dados do Censo da Educação Superior 2017 e avaliou o comportamento das notas de corte médias em cada um deles nos dois períodos. As notas foram extraídas da ferramenta Simulador de Nota de Corte do Sisu.

Engenharia Elétrica foi o que teve a maior queda em sua nota de corte média, reduzindo 13,29 pontos, seguido de Engenharia Mecânica e Farmácia, com diminuição de 10,51 e 8,66 pontos, respectivamente.

Sisu - ampla concorrência

“Esse fenômeno ocorre, porque, no segundo semestre, a tendência é que os candidatos com as maiores notas no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) não participem da edição, pois já conseguiram uma vaga. E isso contribui para uma queda das notas de corte”, disse Pedro Amâncio, analista de ensino superior do Quero Bolsa.

Dos cursos observados, somente sete registraram notas de corte mais altas no Sisu de meio de ano. Desses, apenas três marcaram crescimento acima de cinco pontos. Foram Medicina, Biomedicina e Educação Física. Veja na tabela abaixo:

Cursos Nota de corte média  2018.1 Nota de corte média 2018.2 Diferença (em pontos)
Medicina 768,94 780,00 11,06
Biomedicina 725,13 733,80 8,67
Educação Física 640,06 648,48 8,42
Direito 728,35 731,86 3,51
Administração 651,39 654,67 3,28
Análise e Desenvolvimento de Sistemas 629,45 632,63 3,18
Engenharia Civil 716,14 718,77 2,63


A concorrência é outro fator que pode justificar a redução ou elevação das notas de corte médias dos cursos em cada edição do programa. Para o cálculo da concorrência, a Revista QB teve acesso aos dados, do Ministério da Educação (MEC), de números de inscrições e vagas ofertadas em cada um deles tanto no Sisu 2018.1 quanto na edição 2018.2. O resultado é a divisão entre esses dois fatores.

Dos 13 cursos que tiveram notas mais baixas no Sisu do segundo semestre, em oito a concorrência é maior no Sisu de início do ano. São estes: Ciências Contábeis, Engenharia Mecânica, Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Nutrição, Pedagogia e Psicologia.

Já entre os que apresentaram notas de corte mais altas no programa de meio de ano, a concorrência também sobe em três deles nesse período: Medicina, Biomedicina e Direito. No caso de Medicina, passa de 57,36 candidatos por vaga no Sisu do primeiro semestre para 104,03 no segundo semestre.

De acordo com Pedro, em Medicina, há uma forte diminuição no número de vagas ofertadas, o que explica a concorrência acirrada. “Enquanto as vagas caem para um quarto na segunda edição do Sisu, as inscrições reduzem só pela metade.”

Cursos Concorrência - 2018.1 Concorrência - 2018.2
Administração 23,36 22,38
Análise e Desenvolvimento de Sistemas 17,90 13,22
Arquitetura e Urbanismo 27,70 36,15
Biomedicina 28,06 35,93
Ciências Contábeis 17,58 15,87
Direito 30,11 34,62
Educação Física 27,64 18,92
Enfermagem 34,02 32,42
Engenharia Civil 15,29 15,10
Engenharia de Produção 11,20 13,23
Engenharia Elétrica 10,11 10,19
Engenharia Mecânica 13,19 12,93
Farmácia 21,46 17,96
Fisioterapia 41,66 39,39
Medicina 57,36 104,03
Medicina Veterinária 32,11 37,45
Nutrição 33,87 27,11
Odontologia 34,19 37,92
Pedagogia 20,39 18,21
Psicologia 40,01 38,35

Ingresso de cotistas

Para os candidatos que concorrem em vagas destinadas aos estudantes que, independentemente da renda, tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas, os resultados são ao contrário: as notas de corte médias sobem no segundo semestre na maioria dos cursos.

Biomedicina foi o curso que teve a maior elevação, de 20,90 pontos. Depois aparecem Medicina e Arquitetura e Urbanismo, com um aumento de 19,83 e 14,04 pontos, nessa ordem.

“No segundo semestre, as instituições de ensino oferecem cerca de um quarto das vagas disponíveis no primeiro semestre. Essa redução acaba por restringir ainda mais a quantidade de cadeiras destinadas a cotistas. Com menos vagas disponíveis, a nota de corte tende a subir”, explica o analista de ensino superior.

Em ambas edições do Sisu, 50% das vagas oferecidas por curso e turno são reservadas para alunos oriundos do ensino médio público, sendo que esse percentual pode ser dividido em várias modalidades de cotas.

Sisu - cota de escola pública

De todos os cursos, só nove registraram notas de corte médias mais baixas no Sisu de meio de ano para as cadeiras de escola pública. Comparando com a primeira edição, a diminuição das notas varia entre 0,31 e 14,27 pontos a menos. Confira quais são:

Cursos Nota de corte média Sisu 2018.1 Nota de corte média Sisu 2018.2 Diferença (em pontos)
Engenharia Elétrica 671,98 657,71 14,27
Análise e Desenvolvimento de Sistemas 613,37 602,50 10,87
Engenharia Mecânica 692,32 682,75 9,57
Farmácia 671,75 663,81 7,94
Ciências Contábeis 635,93 629,50 6,43
Enfermagem 667,64 663,89 3,75
Pedagogia 593,34 591,45 1,89
Nutrição 669,21 667,91 1,30
Engenharia Civil 687,64 687,33 0,31

Dicas para o Sisu 2019/2

As inscrições para o Sisu do segundo semestre de 2019 começaram nesta terça-feira (4) e vão até as 23h59 da próxima sexta-feira (7).

São oferecidas mais de 59 mil vagas, em 1.700 mil cursos de 76 instituições de ensino superior públicas. Os pré-requisitos para se candidatar a uma das vagas são ter feito o Enem 2018 e não ter zerado na redação.

Para ajudar o candidato na escolha do seu curso e faculdade e elevar a chance de êxito neste processo, Pedro Amâncio orienta como criar uma boa estratégia:

1 - Selecionar as instituições de ensino levando em consideração critérios como qualidade do curso, proximidade e facilidade de acesso;

2 - Fazer uma lista de cursos de interesse e consultar as notas de corte em cada uma delas e, então, comparar com a nota média obtida no Enem. O histórico das notas de corte para todos os cursos oferecidos via Sisu pode ser acessado pela ferramenta Simulador de Nota de Corte, na página do Quero Bolsa;

3 - Dividir a lista em dois grupos. No primeiro, inserir as faculdades mais desejadas cuja nota de corte está um pouco acima da nota atingida no Enem. No segundo, instituições com nota de corte igual ou inferior;

4 - Durante o período de inscrições, preencher o cadastro indicando como primeira opção uma das faculdades do grupo um e como segunda opção uma do grupo dois;

5 - Acompanhar diariamente a variação das notas de corte informada pelo portal do Sisu e ajustar as escolhas para ter sempre uma faculdade dos sonhos com chance de ingresso na primeira opção e outra com alta probabilidade de aprovação na segunda. Depois é só torcer para ser selecionado.

Dica extra: o analista de ensino superior ainda aconselha a ficar atento para as listas de chamada. “No segundo semestre, elas costumam rodar mais, pois muitos alunos que já estão matriculados acessam o site do Sisu apenas para avaliar se conseguiriam aprovação em outro curso ou instituição.”

É importante lembrar que no portal do programa só será divulgada a chamada regular. Após essa etapa, os candidatos que não foram aprovados em nenhuma das duas opções de cursos devem manifestar interesse na lista de espera e acompanhar as convocações junto à instituição escolhida.

Leia mais: Sisu 2019/2: faça já a sua inscrição
Diferença entre nota de corte e nota mínima do Sisu
Veja como fazer a inscrição no Sisu
Qual a diferença entre Prouni, Fies, Sisu e Quero Bolsa?

034a0947f17da3b1ffa2cac77807e713a0c7595a Cad4289abdb7425ccae2f9b377a959eb7b84ac71

O que você achou deste artigo?

ALERTA DE BOLSAS i-close
Já sabe qual curso fazer na faculdade e gostaria de uma bolsa de estudo?
ALERTA DE BOLSAS i-close
Descubra qual profissão mais se encaixa com você.

Não fique na dúvida sobre o seu futuro. Faça o Teste Vocacional do Quero Bolsa.

ALERTA DE BOLSAS i-close
Nós podemos te ajudar Raised hands 93ba2838e7c9b110e7b370ddadc1892902fe94722a836c919cb013fa7ced527d

Aqui no Quero Bolsa você encontra bolsas de estudo de até 75% de desconto nas melhores faculdades do país.

Preencha os campos abaixo para receber avisos de bolsas de estudo disponíveis em nosso site de acordo com seus interesses.

ALERTA DE BOLSAS i-close
Deixe seus contatos Mailbox 3aaacb172f1a1e1ba19b2e93f60f637592c84194967e63e952c08d3cb04fa7a8
ALERTA DE BOLSAS i-close
Falta só mais um passo! Raised hands 93ba2838e7c9b110e7b370ddadc1892902fe94722a836c919cb013fa7ced527d

As nossas melhores bolsas de estudo chegam de surpresa. Por isso fique ligado.

Com a sua confirmação enviaremos ofertas exclusivas diretamente no seu Whatsapp. Rápido, fácil, prático e na tela do seu celular.

CENTRAL DE AJUDA i-close
Como podemos te ajudar?

Gostaria de saber como o Quero Bolsa funciona e se o site é confiável.

Veja as perguntas frequentes

Quero receber bolsas de estudo de acordo com meus interesses diretamente em meu e-mail e WhatsApp.

Já sabe qual curso fazer na faculdade e gostaria de uma bolsa de estudo?
i-close

Se por algum motivo você não utilizar a nossa bolsa de estudos, devolveremos o valor pago ao Quero Bolsa.

Basta entrar em contato conosco em até 6 meses após o pagamento, informando seus dados e o motivo da devolução.

Fique tranquilo: no Quero Bolsa, nós colocamos sua satisfação em primeiro lugar e vamos honrar nosso compromisso.

O Quero Bolsa foi eleito pela Revista Época como a melhor empresa brasileira para o consumidor na categoria Educação - Escolas e Cursos.

O reconhecimento do nosso trabalho através do prêmio Época ReclameAQUI é um reflexo do compromisso que temos em ajudar cada vez mais alunos a ingressar na faculdade.

Feito com pela Quero Educação

Quero Educação © 2011 - 2019 CNPJ: 10.542.212/0001-54