Envie mensagem ou ligue
Informações

Geriatra

Cuidar da saúde e do bem-estar das pessoas idosas é a função do médico geriatra

O que faz um geriatra

O geriatra é o médico especializado na saúde, bem-estar e cuidado de pessoas idosas. Conhece as especificidades e necessidades dos pacientes em idade mais avançada. O médico geriatra utiliza de uma abordagem ampla, a fim de realizar uma avaliação clínica que explora diversos aspectos da realidade da pessoa idosa, como os fatores psicossociais. Esse profissional da saúde lida com doenças associadas à velhice, como demências, hipertensão arterial, diabetes e osteoporose, além de sintomas como tontura, desequilíbrio, alterações na memória, depressão e incontinência urinária. O geriatra se preocupa também com cuidados paliativos e prevenção desses problemas, garantindo ao paciente uma velhice e uma longevidade com maior qualidade de vida. Para isso, utiliza de tratamentos adequados e especializados e conta, muitas vezes, com uma equipe multidisciplinar.

Sobre o mercado de trabalho

R$ 12260,00
estado com maior salário - Mato Grosso do Sul
32
contratações no último ano (2018)
28
demissões no último ano
4
saldo de vagas criadas

Como se tornar um geriatra

O primeiro passo para uma pessoa que deseja se tornar geriatra é concluir a faculdade de Medicina em uma instituição aprovada pelo MEC, já que se trata de um profissional da saúde. Para se tornar geriatra, o médico deve cursar um curso de pós-graduação na área, especializando-se. Além disso, deve ter sua residência médica credenciada pela Comissão Nacional de Residência Médica ou ter sido aprovado no concurso de obtenção do título de especialista em geriatria. Todos os profissionais da saúde, inclusive o geriatra, também devem ser registrados no Conselho Regional de Medicina do estado onde atuam.

Áreas de atuação

No Brasil, o trabalho do geriatra tem ganhado cada vez mais espaço, uma vez que a pirâmide etária do país tem se modificado. Ou seja, a longevidade da população e, consequentemente, o aumento do número de idosos tornaram necessária a existência de especialistas nesse público.

O médico geriatra pode trabalhar tanto na área pública quanto na área privada. O terceiro setor e instituições de ensino e pesquisa também costumam empregar esse tipo de profissional, que atua em hospitais, postos de saúde, clínicas médicas, ONGs, casas de repouso, asilos e universidades.