Fale com a gente

Como funciona
  1. Busque sua bolsa

    Escolha um curso e encontre a melhor opção pra você.


  2. Garanta sua bolsa

    Faça a sua adesão e siga os passos para o processo seletivo.


  3. Estude pagando menos

    Aí é só realizar a matrícula e mandar ver nos estudos.


Olá! Quer uma ajudinha para descobrir seu curso ou faculdade ideal?

Design de Games

Saiba tudo sobre o curso de Design de Games e comece a estudar com ajuda da Quero Bolsa

Ilustração de uma garota fazendo uma pesquisa do curso de Design de Games no notebook
Média Salarial: R$ 3.946,40
Duração: em média, 4 anos
Bolsas: a partir de R$ 134,00
Ver bolsas de até 92%

Sobre o curso de Design de Games

Última atualização: 20/02/2024

O curso de Design de Games estuda as práticas e etapas da criação de jogos digitais. A formação abrange disciplinas que vão desde a concepção de ideias até a produção final do jogo, passando por aspectos como narrativa, mecânicas de jogo, design de personagens e ambientes, programação, e até mesmo marketing e monetização.

Durante o curso, os alunos aprendem a utilizar ferramentas e softwares especializados para a criação de jogos, como motores gráficos e de física, além de linguagens de programação relevantes para a indústria de games. Também é comum que os estudantes trabalhem em projetos práticos, muitas vezes em equipes, para colocar em prática o que aprenderam em sala de aula.

Além das habilidades técnicas, o curso de Design de Games aborda conceitos de teoria de jogos, psicologia do jogador e design de experiência do usuário. A indústria de games é dinâmica, o que significa que os profissionais formados nessa área precisam estar atualizados com as últimas tendências e tecnologias.

Ao final do curso, os graduados em Design de Games estão aptos a trabalhar em estúdios de desenvolvimento de jogos, empresas de tecnologia, agências de publicidade, ou até mesmo em projetos independentes. Eles podem ocupar cargos como designers de jogos, programadores, artistas gráficos, roteiristas, entre outros.

Veja bolsas de estudo para o curso de Design de Games

Os tipos de formação para o curso de Design de Games são: bacharelado , tecnólogo e técnico .

Como é o curso de Design de Games?

O curso de Design de Games é a porta de entrada para a indústria de jogos eletrônicos. A formação abrange todas as etapas necessárias para a criação de um jogo, desde a concepção inicial até o lançamento no mercado.

No programa, os estudantes são introduzidos a disciplinas centrais que formam a base do design de jogos, incluindo teoria dos jogos, mecânicas de jogo, design de níveis, programação, design gráfico, narrativa e produção de áudio.

Os alunos também adquirem habilidades em programação, aprendendo a manusear ferramentas e linguagens prevalentes na indústria, como Unity e Unreal Engine. Além disso, é dada ênfase em design gráfico e animação, permitindo que os estudantes pratiquem a modelagem 3D, texturização e a animação de personagens e ambientes.

De forma complementar, o curso estimula o desenvolvimento de habilidades narrativas, permitindo aos alunos explorar diferentes métodos de contar histórias.

Além das competências técnicas e criativas, os alunos são expostos às práticas comerciais e de marketing relacionadas à indústria de jogos, preparando-os para navegar no mercado de jogos eletrônicos.

Qual a grade curricular de Design de Games?

Grade Curricular é o conjunto de matérias que o aluno estudará durante o curso. Veja abaixo um exemplo de grade curricular para o curso de Design de Games em uma de nossas faculdades parceiras:

  • Algoritmos e Programação

  • Antropologia e Cultura Brasileira

  • Atividades Complementares

Ver a grade curricular

O que se aprende na faculdade de Design de Games?

No curso de Design de Games, os estudantes aprendem a criar e programar jogos digitais. Entre as disciplinas mais comuns, estão:

  • Conceito e Ideação de Jogos: Os alunos aprendem a desenvolver conceitos de jogos, criando histórias, mecânicas e ambientes que irão compor a experiência do jogador.

  • Narrativa e Roteiro: Compreende-se como contar uma história através do jogo, criando personagens interessantes e um universo coeso que envolva o jogador.

  • Design de Mecânicas de Jogo: Isso envolve a criação das regras e sistemas que definem como o jogo funciona, incluindo desafios, recompensas e interações com o ambiente virtual.

  • Programação e Desenvolvimento: Os alunos aprendem a programar em linguagens relevantes para a indústria de jogos, utilizando motores gráficos e ferramentas de desenvolvimento para dar vida às suas criações.

  • Arte e Design Visual: Inclui o desenvolvimento de personagens, cenários, animações e elementos visuais que compõem a estética do jogo.

  • Áudio e Trilha Sonora: Aprende-se a criar e implementar efeitos sonoros e trilhas musicais que complementem a atmosfera do jogo.

  • User Experience (UX) e User Interface (UI): Compreende a concepção de interfaces intuitivas e agradáveis ao usuário, garantindo uma experiência de jogo fluida e envolvente.

  • Testes e Prototipagem: Os alunos aprendem a testar e iterar seus jogos para garantir a jogabilidade equilibrada e corrigir eventuais problemas.

  • Marketing e Monetização de Jogos: Explora-se estratégias para promover e distribuir jogos, bem como modelos de negócios, como freemium, pay-to-play e in-app purchases.

  • Ética e Responsabilidade Social: Discussões sobre os impactos culturais, éticos e sociais dos jogos digitais, promovendo uma consciência crítica sobre o desenvolvimento e consumo de jogos.

Além desses tópicos, os alunos podem ter a oportunidade de trabalhar em projetos práticos, muitas vezes em equipes, para aplicar na prática o que aprenderam em sala de aula.

Caso você tenha dúvidas se esse curso é a escolha certa para você, não deixe de conferir o Teste Vocacional da Quero Bolsa. É rápido, gratuito e pode te ajudar nessa importante escolha profissional.

Quanto custa uma faculdade de Design de Games?

O custo do curso de Design de Games em instituições particulares varia de acordo com o nível e a duração do programa. Para os cursos de bacharelado, que geralmente têm duração de 4 anos, o custo médio mensal é de R$ 700,00. Já para os cursos de tecnologia, que têm uma duração média de 2 anos, o valor mensal médio é de R$ 400,00, conforme informações de 33 instituições parceiras da Quero Bolsa.

Caso você tenha dúvidas se esse curso é a escolha certa para você, não deixe de conferir o Teste Vocacional da Quero Bolsa. É rápido, gratuito e pode te ajudar nessa importante escolha profissional.

Procure o curso de Design de Games ideal para você!

Com mensalidades a partir de R$ 134,00 entre as 1.420 instituições parceiras do Quero Bolsa.

Veja como é simples começar a estudar

  1. Encontre seu curso
  2. Garanta sua bolsa
  3. Economize até se formar

Sobre a carreira de Design de Games

O que faz o profissional de Design de Games?

O designer de games tem habilidades para criar, fazer o projeto de um jogo e executá-lo, em parte ou inteiro, com auxílio de uma equipe de profissionais de várias áreas ou até mesmo sozinho.

Pode produzir jogos, experiências de imersão e simulação para computadores, celulares, videogames ou equipamentos de realidade virtual. Suas competências permitem programar e criar ilustrações, esculturas e animações 3D.

Caso você tenha dúvidas sobre o curso de Design de Games ou profissões nesta área, pergunte na Comunidade Quero . A Comunidade Quero é um ambiente para troca de conhecimento, onde você pode tirar suas dúvidas e ajudar outros integrantes da comunidade com as dúvidas sobre cursos e faculdades.

Onde o profissional de Design de Games pode trabalhar?

O designer de games desempenha um papel fundamental na criação e desenvolvimento de jogos digitais. Seu trabalho envolve uma combinação de criatividade, habilidades técnicas e compreensão profunda da psicologia do jogador. Abaixo, descrevo como o designer de games geralmente trabalha:

Concepção e Ideação: O processo começa com a concepção de uma ideia para o jogo. O designer de games pode trabalhar individualmente ou em equipe para desenvolver conceitos, criando a narrativa, mecânicas de jogo e definindo os objetivos do projeto.

Prototipagem: Em seguida, o designer cria um protótipo inicial do jogo. Isso pode ser um esboço funcional, um documento de design ou até mesmo um protótipo jogável simples que serve como uma base para o desenvolvimento posterior.

Colaboração Interdisciplinar: O designer de games colabora com profissionais de diversas áreas, como programadores, artistas gráficos, animadores, compositores de música e outros especialistas. A comunicação eficaz é essencial para garantir que a visão do jogo seja realizada de maneira coesa.

Design de Mecânicas e Sistemas: O designer é responsável por definir as regras do jogo, como a física, os desafios e as interações dos personagens. Isso inclui a criação de mecânicas de jogo que proporcionem uma experiência envolvente para o jogador.

Design de Personagens e Ambientes: O designer de games trabalha na criação de personagens e no design dos ambientes onde o jogo se passa. Isso envolve a escolha de estilos visuais, animações e elementos que compõem a estética do jogo.

Iteração e Testes: Durante o desenvolvimento, o designer testa o jogo regularmente para identificar e corrigir problemas de jogabilidade, equilíbrio e bugs. A capacidade de iterar e adaptar é crucial para o sucesso do projeto.

Narrativa e Roteiro: Se o jogo incluir uma narrativa, o designer é responsável por criar uma história envolvente que se integre de forma coesa à jogabilidade.

Interação com a Comunidade de Jogadores: Em alguns casos, o designer pode interagir diretamente com a comunidade de jogadores para obter feedback valioso sobre o jogo em desenvolvimento, ajustando-o com base nas necessidades e preferências do público-alvo.

Otimização e Polimento: O designer trabalha para otimizar o jogo, garantindo que ele funcione de maneira eficiente em diferentes plataformas e dispositivos. Além disso, refinamentos finais são feitos para garantir uma experiência de jogo polida e agradável.

Acompanhamento pós-lançamento: Após o lançamento do jogo, o designer pode continuar a monitorar a experiência dos jogadores, corrigindo bugs e implementando atualizações para melhorar a experiência do usuário.

Dica importante: Confira o Guia Completo sobre a Redação do Enem. Veja dicas incríveis para você arrasar e conseguir uma boa nota nesta parte importante da prova. Tenha acesso aos critérios de avaliação, dicas de especialistas e exemplos nota 1000! Tudo gratuito para você!

Quanto ganha um profissional de Design de Games?

O salário médio de um Designer educacional no Brasil é de R$ 3.946,40 . Os estados onde a profissão de Designer educacional têm os melhores salários são .

Quer saber o salário das demais especialidades? Veja aqui

Ver salários dessa profissão
Sino de ofertas
Receba um alerta quando a vaga ideal chegar!

Como ingressar na profissão de Design de Games?

Quais são as exigências do mercado de trabalho para o profissional de Design de Games?

O mercado de trabalho para designers de games é altamente competitivo e em constante evolução, exigindo habilidades e qualificações específicas para se destacar. Abaixo estão algumas das exigências comuns para profissionais nesta área:

Formação Acadêmica: A maioria dos empregadores valoriza candidatos com formação acadêmica em Design de Games, Ciências da Computação, Artes Digitais ou áreas relacionadas. Um diploma ou certificado reconhecido na área pode abrir portas e demonstrar competência técnica.

Portfólio de Trabalhos: Ter um portfólio bem elaborado com exemplos de projetos anteriores é essencial. Ele deve demonstrar habilidades em design de mecânicas, arte, narrativa ou outras áreas relevantes para a indústria de games.

Habilidades Técnicas: Conhecimento sólido em softwares e ferramentas relevantes, como motores de jogo, programas de modelagem 3D, edição de áudio e habilidades de programação em linguagens como C++, C# ou Python são essenciais.

Compreensão de Game Design: Um entendimento profundo dos princípios de game design, incluindo mecânicas de jogo, experiência do usuário, narrativa e sistemas de recompensa, é crucial para criar jogos envolventes e atraentes.

Adaptação às Tecnologias Emergentes: O designer de games precisa estar atualizado com as últimas tendências e tecnologias na indústria, como realidade virtual/aumentada, inteligência artificial e outras inovações que possam impactar o desenvolvimento de jogos.

Trabalho em Equipe: A capacidade de colaborar efetivamente em equipe é fundamental, já que a criação de jogos envolve a contribuição de profissionais de diversas disciplinas, como programadores, artistas e roteiristas.

Resolução de Problemas: Ser capaz de identificar e resolver problemas técnicos e de design de forma eficaz é uma habilidade valorizada, pois o desenvolvimento de jogos muitas vezes envolve superar obstáculos e encontrar soluções criativas.

Adaptabilidade e Flexibilidade: A indústria de games é dinâmica e está sempre evoluindo. Os designers precisam estar dispostos a aprender novas técnicas, ferramentas e abordagens à medida que novas tecnologias e tendências surgem.

Paixão e Criatividade: Ter uma paixão genuína por jogos e uma mente criativa é essencial para criar experiências inovadoras e envolventes que cativem os jogadores.

Consciência do Público-Alvo: Compreender o público-alvo e as preferências dos jogadores é crucial para criar jogos que ressoem com a audiência e proporcionem uma experiência gratificante.

Quais são as principais competências pessoais do profissional de Design de Games?

As principais características do profissional de Design de Games, listadas pelo Ministério do Trabalho, são:

Interagir com outras linguagens;
Capacidade de percepção;
Capacidade de atenção;
Interagir com instituições e profissionais da área;
Habilidade manual;
Habilidade motora fina;
Acuidade visual;
Criatividade;
Capacidade de síntese;
Cumprir normas e procedimentos de segurança;
Afinidade com novas tecnologias;
Coordenar equipes;
Trabalhar em equipe;
Imaginação espacial.

Nota de corte para Design de Games

Sabia que, utilizando apenas o seu resultado do Enem, você pode entrar em diversos cursos de universidades federais, estaduais e privadas?

Para ajudar o estudante a entender as suas possibilidades, o Quero Bolsa desenvolveu o Simulador de Nota de Corte . O sistema reúne os dados das últimas provas e mostra o desempenho mínimo para conseguir uma vaga em um dos programas educacionais do governo.

No último ano, as notas de corte registradas para o curso de Design de Games foram:

Quais cidades têm cursos de Design de Games?

Balões de Conversa - Dúvidas sobre Design de Games
Está com dúvidas sobre Design de Games? Os alunos e ex-alunos do curso estão prontos para tirar suas dúvidas. Ver perguntas e respostas

Perguntas e Respostas - Design de Games

Tipo de Pergunta
Recentes