logo

  • Lista de faculdades
  • Lista de cursos
  • Lista de profissões
  • Revista Quero
  • Central de ajuda

Fale com a gente

Como funciona
  1. Busque sua bolsa

    Escolha um curso e encontre a melhor opção pra você.


  2. Garanta sua bolsa

    Faça a sua adesão e siga os passos para o processo seletivo.


  3. Estude pagando menos

    Aí é só realizar a matrícula e mandar ver nos estudos.


Quanto ganha um Advogado? Salário e carreira na área de Direito

Selecionamos informações sobre a profissão de Advogado, incluindo salários por cidade e especialidade. Tudo para você escolher a carreira perfeita para você. Com a Quero Bolsa é assim, a gente te ajuda a escolher sua carreira e entrar na faculdade ideal com um super desconto.
Salário médio no Brasil Advogado R$ 4.537,62
Maior salário médio por estado Distrito Federal R$ 5.973,46
Maior salário médio por especialidade Advogado (Direito do Trabalho) R$ 11.023,82

Qual o salário de um Advogado?

O salário médio de um Advogado no Brasil é de R$ 4.537,62.
Os estados onde a profissão de Advogado têm os melhores salários são Distrito Federal, Rio de Janeiro e São Paulo.

As especialidades com os melhores salários são Advogado (Direito do Trabalho), Advogado (Direito Penal) e Advogado (Areas Especiais).

Essas informações são baseadas nas 10748 contratações que aconteceram no último ano, em todo o Brasil.

Salário de um Advogado por especialidade
Especialidade Salário médio
Advogado (Direito do Trabalho) R$ 11.023,82
Advogado (Direito Penal) R$ 9.972,78
Advogado (Areas Especiais) R$ 9.542,59
Advogado (Direito Publico) R$ 9.001,79
Advogado (Direito Civil) R$ 8.470,39
Advogado de Empresa R$ 8.304,33
Consultor Juridico R$ 5.781,57
Advogado R$ 4.578,45

Como é a carreira de Advogado?

O advogado pode representar tanto pessoas como empresas. Tudo começa com uma conversa com o cliente, que relata uma situação em que será necessária a ajuda do advogado. Depois disso, é possível definir em que área da advocacia em que o caso está inserido.

O advogado representa e fala em nome de seus clientes em diversas situações, sejam eles empresas, pessoas ou entidades.

Seu objetivo é zelar pela manutenção e integridade de bens e direitos, preservando interesses individuais e coletivos, dentro dos princípios éticos que regem a profissão.Entre suas principais funções estão:

  • Propor ou contestar ações;
  • Solicitar providências junto ao magistrado ou ao Ministério Público;
  • Avaliar provas documentais e orais;
  • Realizar audiências trabalhistas, penais comuns e cíveis;
  • Instruir seu cliente e atuar no tribunal do júri.

Extrajudicialmente, pode mediar questões, contribuir na elaboração de projetos de lei, assessorar negociações internacionais e nacionais e, também, analisar, atualizar e implementar diferentes tipos de legislação.

Para isso, o profissional elabora casos e defesas para apresentação diante da justiça, onde o processo judicial terá sequência e desfecho. Nesse sentido, sua atividade é regularizada e representada pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), órgão que registra e regulamenta as atividades a serem desempenhadas pelos profissionais da área do direito, como o advogado.

O advogado pode trabalhar em escritórios de advocacia, como autônomo, na administração pública ou diretamente em empresas agrícolas, comerciais, industriais ou prestadoras de serviços.

Costuma executar suas funções sem supervisão, em ambiente fechado e durante o período diurno.

O advogado pode atuar em diversos cenários, o que definirá seu o ritmo de trabalho, atribuições e atividades a serem desempenhadas pelo profissional. Confira, a seguir, as principais áreas de atuação do advogado:

  • Advogado civil: O advogado civil atua na defesa de questões pessoais que envolvam posses e bens, atuando, comumente, em questões familiares, divórcios, heranças, pensões, entre outros relacionados.
  • Advogado trabalhista: Assim como o nome sugere, o advogado trabalhista atua em questões trabalhistas, o que pode envolver disputas entre funcionário e empresa, salários, questões sindicais, entre diversas outras possibilidades.
  • Advogado ambiental: O advogado ambiental atua em questões relacionadas ao meio ambiente e sua relação com a população. Nesse sentido, suas atividades podem envolver questões de licenças ambientais, fiscalização, além de desmatamento e questões relacionadas.
  • Advogado administrativo: O advogado administrativo pode, entre outras ações, atuar na defesa de causas relacionadas à empresas públicas ou privadas. Áreas como: licitações, multas, concursos públicos, entre outros, fazem parte do escopo de atuação do profissional.
  • Advogado do consumidor: O advogado do consumidor atua como representante legal do consumidor em relação a bens adquiridos, fraudes e golpes, atuando com embasamento no Código de Defesa do Consumidor.
  • Advogado previdenciário: Assim como o nome sugere, o advogado previdenciário atua em questões ligadas à aposentadoria, direitos trabalhistas e previdenciários, entre outros aspectos relacionados.
  • Advogado digital: O advogado digital trabalha em questões relacionadas ao mundo digital, atuando em questões como cyberbullying, direitos do usuário, dados, golpes online, entre outras possibilidades.
  • Advogado penal: O advogado penal atua na defesa ou acusação de crimes cometidos e seus respectivos desdobramentos e consequências.
  • Advogado eleitoral: O cumprimento de legislações eleitorais por parte dos candidatos e população faz parte da importante atuação do advogado eleitoral.
  • Advogado de relações internacionais: O advogado de relações internacionais atua na legislação relacionada à países, disputas comerciais entre governos ou empresas de diferentes nações, conflitos externos, além de outras temáticas relacionadas.
  • Advogado contratual: Questões contratuais de venda, compra e aquisição fazem parte das atividades a serem desempenhadas pelo advogado contratual. Assim como o nome sugere, o mesmo atua na formulação e análise de contratos referentes ao cliente ou empresa contratante.
  • Advogado constitucional: O advogado constitucional preza pelo pleno comprimento de questões constitucionais por parte da sociedade, poderes, órgãos, empresas, entre outras possibilidades, segundo a legislação suprema do país.

Para exercer a função de advogado, é necessário ensino superior completo na área de Direito e a aprovação no exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) do estado de domicílio do candidato.Para isso, o estudante deve realizar a prova da OAB, contando, na primeira etapa, com questões objetivas, e, posteriormente, na segunda etapa, com questões abertas, além da elaboração de uma uma peça prático-profissional. Nesse sentido, o candidato deve dispor de uma boa dose de estudos, além de estar alinhado com as exigências da prova.

Além disso, o profissional, em busca de ampliar seu leque de atuações, pode se especializar em diversas temáticas, capacitando sua atuação em situações específicas. São os casos de pós-graduações como: Direito Ambiental, Direito Eleitoral, Direito Administrativo, Direito Civil, entre outras disponíveis.

Ver mais sobre essa carreira

A Quero Bolsa te ajuda a encontrar sua faculdade

A Quero Bolsa é um serviço que te ajuda a encontrar a sua faculdade ideal e a economizar nas mensalidades. Por meio do nosso site, você consegue vagas em mais de 1100 faculdades. Basta fazer a pré-matrícula para garantir seu curso!
Ilustração de uma pessoa com uma coroa na cabeça
  • Você encontra sua vaga e faz a pré-matrícula na hora
  • O desconto da Quero Bolsa é valido até o fim do curso
  • Bolsa garantida ou seu dinheiro de volta