Info Icon Ajuda Help Icon Ajuda
Biologia

Níveis de organização dos seres vivos

William Mira
Publicado por William Mira
Última atualização: 10/9/2018

Introdução

Entende-se por Biologia a ciência que "estuda a vida", desde a composição dos seres vivos até sua interação com outros organismos e seu impacto em um determinado ambiente.

Dessa forma, sabendo que a Biologia engloba temas muito amplos e complexos, é necessário classificar os objetos de estudo em níveis de organização, onde cada um se torna um campo a ser estudado dentro dessa ciência.

Os níveis de organização dentro da Biologia podem ser ordenados em uma escala do menor componente para o maior. É possível, ainda, dividi-los em duas escalas, conforme observado abaixo:

  • Composição do indivíduo (organização dos seres vivos);

Organização dos seres vivos.organização dos seres vivos

  • Composição da biosfera ou de interação entre indivíduos (organização entre indivíduos).

Organização entre indivíduosorganização entre indivíduos

Organização dos Seres Vivos

Compreende-se aqui toda a escala, desde o átomo como menor elemento até os sistemas, que compõem um único indivíduo.

Algumas das áreas responsáveis por esses campos de estudo são:

  • Fisiologia (estudo dos sistemas fisiológicos);
  • Histologia (estudo dos Tecidos);
  • Citologia (estudo da Célula);
  • Anatomia;
  • Microbiologia;
  • Bioquímica.

📚 Você vai prestar o Enem 2020? Estude de graça com o Plano de Estudo Enem De Boa 📚

Organização do ser humano

Para fins didáticos, usaremos o ser humano como modelo.

  • Átomo: partícula que forma toda a matéria existente. Composto por prótons, elétrons e nêutrons. No corpo humano, temos átomos de Carbono, Oxigênio, Hidrogênio, Fósforo etc.
  • Molécula: formada a partir da junção dos átomos por ligações químicas, garantindo suas características químicas e formando substâncias constituintes do corpo humano, como água (H2O), Fosfato (PO43-), Metano (CH4), Proteínas, Carboidratos, etc.
  • Organóide ou Organela Celularestruturas que desempenham funções específicas no interior celular, principalmente eucarionte. Formam compartimentos que garantem uma maior organização intracelular. São formadas pela união de várias moléculas. Exemplos: ribossomos, presentes em seres eucariontes e procariontes e que é responsável pela síntese protéica; mitocôndrias, presentes em eucariontes e que realizam a respiração celular.
  • Célula: é a menor unidade funcional de um organismo. É composta por moléculas e organelas (no caso dos eucariontes) diferentes. Há indivíduos inteiros compostos por uma única célula e indivíduos compostos por várias células. Neste último caso, cada célula desempenha funções diferentes. Existem os mais variados tipos celulares no organismo humano. Cada um com sua especificidade, como os neurônios (células nervosas), células beta-pancreáticas (presente no pâncreas responsável pela síntese a insulina), hemácias (células que transportam oxigênio na corrente sanguínea) etc.
  • Tecido: várias células semelhantes interagem entre si, formando os tecidos que desempenham uma função específica no organismo. Os tecidos são visíveis e presentes em organismos vegetais e animais, como a epiderme (camada da pele), por exemplo.
  • Órgão: constituído por tecidos, os órgãos realizam funções específicas que garantem o funcionamento do organismo, como o estômago, que auxilia na digestão e o coração, que bombeia sangue pelo corpo.
  • Sistema: conjunto de órgãos que, ligados entre si, exercem uma função vital específica, garantindo o equilíbrio do organismo e a manutenção da vida. Exemplos de sistemas são o Sistema Respiratório, que garante as trocas gasosas e a obtenção de oxigênio e o Sistema Nervoso, que é responsável por analisar e estabelecer uma rede de comunicação dentro do organismo através de estímulos.
  • Organismo ou Indivíduo: conjunto de sistemas que permite a formação de um indivíduo. Por exemplo, um ser humano.

ciclo com as Organizações dos seres vivos.organização dos seres vivos

Organização entre indivíduos

O modo como os indivíduos, iguais ou não, interagem e causam impacto em determinado ecossistema é o campo de estudo principal que utiliza essa escala.

A Ecologia é responsável pelo estudo envolvendo esse tipo de organização.

  • Espécie: grupo de organismos biologicamente semelhantes entre si que, em condições naturais, conseguem se reproduzir e gerar descendentes férteis.
  • População: é o conjunto de organismos da mesma espécie que habitam, ao mesmo tempo, um mesmo local do Globo, de forma que interajam entre si. Exemplo: um grupo de nativos indígenas que habitam uma mesma aldeia na Floresta Amazônica.
  • Comunidade: conjunto de populações diferentes (espécies diferentes) que habitam uma mesma região (habitat) ao mesmo tempo, podendo existir uma interação entre essas populações. Também é chamada de fatores bióticos de uma região ou cenobiose. Exemplo: Os nativos indígenas vivem na Floresta Amazônica, que é um local com várias árvores e vários animais, como antas, onças etc. São diferentes populações que dividem o mesmo espaço.
  • Ecossistema: conjunto de comunidades (fatores bióticos) presentes em um local específico, além dos fatores abióticos desse local (como luz, temperatura, água, nutrientes do solo e outros). Exemplo: a Floresta Amazônica, com todas as suas comunidades de nativos, animais, vegetais e fatores abióticos como a temperatura, incidência de chuva, água etc.
  • Biosfera: conjunto dos ecossistemas presentes no Planeta Terra, onde se encontra e se abriga formas de vida. A Biosfera não é o planeta Terra, mas uma parte dele.
    🎓 Você ainda não sabe qual curso fazer? Tire suas dúvidas com o Teste Vocacional Grátis do Quero Bolsa 🎓

Exercícios

Exercício 1
(PUC-RIO/2016)

Em relação aos níveis de organização em ecologia, assinale a alternativa correta:

Ilustração: Rapaz corpulento de camiseta, short e tênis acenando

Inscreva-se abaixo e receba novidades sobre o Enem, Sisu, Prouni e Fies:

Carregando...